Penne ao molho de abacate

Essa receita de “penne ao molho de abacate” tem muito frescor, já que o molho não é cozido e tem ingredientes com muito sabor, como o manjericão e o hortelã. Além disso é vegetariana e pode ser também vegana caso você substitua o penne por uma versão sem ovos(feito com arroz ou com farinha de milho, por exemplo).

O ingrediente principal é o abacate, que vai fazer neste caso o papel do creme de leite ou do molho roux. Para quem está acostumado a comer o abacate somente em sobremesas, pode parecer estranho no princípio ver a consistência do molho e não fazer a associação direta com o sabor doce.

Mas, logo na primeira garfada a ideia de que o abacate só serve para pratos doces vai embora quase que de imediato. Na verdade é bem capaz, como foi no meu caso, que aconteça o inverso, que o abacate comece a ser visto como mais um ingrediente para se fazer pratos salgados do que doces.

Enfim, vale a pena experimentar esse molho de abacate, seja você onívoro, vegetariano ou vegano. Nos três casos com certeza vai adorar essa receita.

Penne ao molho de abacate

Print This
Serves: 2 Prep Time: Cooking Time:

Ingredients

  • 250 gramas de penne
  • 1 abacate médio bem maduro
  • 1/2 maço de manjericão
  • 3 a 5 colheres de sopa de azeite
  • 1/2 limão
  • 1/4 de copo de água
  • 2 dentes de alho
  • 1 colher de café de hortelã desidratado
  • sal
  • pimenta preta moída na hora

Instructions

Em uma panela, coloque cerca de um litro de água para ferver, adicione uma colher de chá de sal e assim que a água começar a ferver, coloque o penne e deixe até que ele fique “ao dente”(nem muito duro nem muito macio).

Enquanto isso, prepare o molho, colocando todos os outros ingredientes(abacate, manjericão, azeite, limão, água, alho, hortelã, sal e a pimenta) em um liquidificador. Bata até conseguir uma mistura homogênea, isto é, até que o manjericão praticamente se dissolva no molho.

Quando o penne estiver no ponto certo, escoe a água e reserve. Adicone então o molho sobre o penne, misture e pronto!

O ideal é servir de imediato, já que o frescor do molho vai ser perder caso seja armazenado de alguma forma. Além disso, o abacate costuma se oxidar facilmente e ficar escuro caso seja armazenado.

Bom apetite!

Aprenda a fazer nossa deliciosa receita de guacamole

Iguaria típica da culinária do México, a receita de guacamole é muito simples e rápida de preparar, já que em menos de 10 minutos você consegue preparar.

Seu nome vem de origens indígenas, pois “Ahuacatl” é o abacate, e “mole” é um nome genérico para “molho”. Resumindo: molho de abacate. Segundo as tradições, foi criado pelos astecas e seu preparo foi ensinado ao povo Tolteca pelo deus Quetzalcóatl.

O abacate possui muita gordura saudável, isto é, é rico em ômega 3. Por isso é muito importante para a circulação sanguínea, para o cérebro e diversas outras funções relacionadas com o ômega 3. Possui também ácido fólico, proteínas e é rico em antioxidantes, o que ajuda a proteger o organismo como um todo.

Quem está acostumado a comer o abacate preparado como doce, no início poderá estranhar comê-lo como um prato salgado. Porém, depois de um tempo o estranhamento com certeza será comê-lo doce, já que os sabores desta fruta na sua forma salgada é muito mais rica e deliciosa. Aprecie nossa receita de guacamole!

Receita de guacamole

Print This
Serves: 4 Prep Time:

Ingredients

  • 1 abacate médio maduro
  • 1 tomate descascado e picado em pequenos cubos
  • 1 cebola picada em pequenos cubos(brunoise)
  • 1 dente de alho
  • 1 limão espremido
  • 1 colher de chá rasa de pimenta preta(moída na hora)
  • 1 colher de café de sal do himalaia
  • 1 colher de café de páprica picante

Instructions

Em um recipiente coloque o abacate esmague-o utilizando um garfo, até obter uma pasta. Adicione os demais ingredientes, mexa e misture tudo com uma colher.

Dica 1
Antes de cortar e picar o tomate, descasque, corte-o ao meio e com os dedos elimine a sua parte mais líquida(incluindo as sementes).

Dica 2
Se quiser uma versão mais apimentada, experimente colocar algumas gotas de sua pimenta predileta na sua receita de guacamole.

Dica 3
Coloque uma colher de chá de cúrcuma(açafrão da terra) e transforme seu guacamole em um super alimento, combinando a cúrcuma com a pimenta preta.

Notes

Bom apetite!

Sopa de cebola orgânica

A sopa de cebola clássica é uma criação da culinária francesa, já que as cebolas eram abundantes na Europa e assim como a batata, era por muitas vezes conhecidas como a “comida dos pobres”.

A sopa de cebola francesa está documentada desde mais ou menos 1651, por François Pierre La Varenne que descreveu uma receita que é muito próxima da nossa receita abaixo.

Os benefícios da cebola

A cebola melhora a circulação sanguínea, por conter quercetina que é um importante flavonóide. Previne a anemia, pois possui boas quantidades de fósforo, ferro, vitamina E e desta forma auxilia na regeneração dos glóbulos vermelhos.

Também é rica em vitaminas A e C e seu alto teor de enxofre ajuda no sistema respiratório, prevenindo e tratando doenças, além de ser um poderoso antioxidante e antiinflamatório. Para completar, a cebola também ajuda a controlar a pressão sanguínea, graças ao potássio, que também tem ação diurética e previne doenças do sistema nervoso, já que seu alto teor de vitamina B auxilia na transmissão dos impulsos nervosos e musculares.

Ingredientes

• 1 kg de cebolas orgânicas
• 1 xícara de farinha de trigo
• 1,5 litros de caldo de legumes orgânicos
• 2 alhos orgânicos médios esmagados
• 1 xícara de vinho jerez(Xerez ou Sherry)
• 3 colheres de azeite de oliva extravirgem orgânico
• Pimenta preta
• Sal

Modo de preparo da sopa de cebola

Corte as cebolas no estilo julienne, isto é, em fatias bem finas. Aqueça as 3 colheres de azeite em uma panela(em fogo baixo) e acrescente as cebolas. Com uma espátula mexa continuamente as cebolas por aproximadamente meia hora, ou até as cebolas estarem bem douradas.

Vale destacar que esse processo talvez seja o mais importante de toda a receita, já que quanto mais tempo as cebolas ficarem no fogo, mais vão dourar e adocicar, o que dá o sabor clássico da receita.

Após todo este período, acrescente o alho esmagado, a farinha de trigo e mexa por mais alguns minutos, até que a cebola absorva a farinha e o alho e a mistura comece a escurecer(cuidado para não queimar). Acrescente o caldo de legumes aos poucos, sempre esperando que a sopa comece a engrossar antes de adicionar mais. Mexa por mais 20 minutos e nos últimos 5 minutos acrescente o vinho jerez.

Para finalizar – se você não for vegano – pode gratinar a sopa de cebola utilizando queijo gruyere: Coloque a sopa em pequenas cumbucas sobre uma assadeira, adicione uma fatia de pão ou de torrada e polvilhe o queijo gruyere ralado na hora. Leve ao forno até o queijo derreter e gratinar.

Bom apetite!

Berinjela Assada Fácil & Rápida

Essa receita é para aqueles dias que estamos com pressa ou mesmo com preguiça de ficar na cozinha por muito tempo.

Berinjela assada rápida e fácil

É bem simples, fácil e necessita de poucos ingredientes, porém o resultado é delicioso.

Ingredientes
• 2 berinjelas
• 1 lata de Molho de tomate pronto
• Algumas fatias de queijo prato
• Queijo parmesão ralado
• Sal
• Azeite

Como Preparar
Fatie a berinjela em rodelas com uma espessura de aproximadamente 2 centímetros. Frite-as em óleo ou azeite, somente por cerca de um ou dois minutos cada lado, colocando-as em seguida em uma travessa de ir ao forno, untada com azeite. Coloque sobre cada fatia de berinjela uma colher de molho de tomate e logo em seguida cubra o molho com um pedaço de queijo, e depois o parmesão. Jogue o sal por cima das berinjelas e leve-as ao forno pré-aquecido a 180º por 45 minutos. Depois é só servir.

Tempo de preparo: Aproximadamente 1 hora
Serve 2 a 3 pessoas

Bom apetite!

Rabanetes ao Aïoli

O rabanete é uma planta muito valorizada nos países asiáticos e europeus, porém pouco consumida no Brasil. Sua raíz, que é a parte comestível da planta, contém diversas propriedades medicinais benéficas a saúde.

Rabanete recheado com Aïoli

Pode ser consumido cru, como parte de uma salada ou então, e ainda mais saboroso, pode ser recheado com cremes dos mais diversos. Seguiremos esta última sugestão recheando nossos rabanetes com “Aïoli”, também chamado de manteiga provençal, que resumindo ao nosso cotidiano, seria uma espécie de maionese com alho.

Curiosidade
No estado de Oaxaca, no México, todos os anos, no dia 23 de dezembro, se comemora a “Noite dos Rabanetes”. No evento, comemorado desde 1897, existe uma exposição de esculturas feitas de rabanete. Imagem abaixo: Victor Miranda.
noite dos rabanetes

Ingredientes
• 6 a 8 rabanetes médios
• 1 ovo
• 2 dentes de alho
• 1 xícara de azeite
• 1 colher de café de sal
• 1 pitada de pimenta cayena ou pimenta do reino
• Sumo de 1/2 limão
• Sementes de mostarda para decorar

Como preparar
Lave bem os rabanetes, de preferência com alguma substância própria para lavar vegetais. Logo após, corte ambas as extremidades e escolha uma delas(de preferência aquela que ficou mais larga com o corte), e retire sua polpa com o auxílio de uma colher de café. Reserve.

Prepare agora o Aïoli, juntando no liquidificador o ovo, sumo de limão, sal, pimenta, alho e a poupa do rabanete que foi retirada com a colher. Acione o liquidificador e vá adicionando o azeite aos poucos, gota a gota até que a consistência fique mais firme.

Sirva e decore com as sementes de mostarda. Este prato serve 2 pessoas.

Penne integral com brócolis

Essa receita de penne com brócolis, além de deliciosa e muito saudável, é também muito fácil e rápida de preparar.

penne integral com brocolis

Além de muito saboroso, o brócolis(Brassica oleracea), também conhecido como brócolos, é um vegetal de origem européia, cultivado desde a época do império romano. É considerado um super alimento, muito rico em minerais, como o cálcio, potássio, ferro, zinco e sódio, além fibras e vitaminas, como A, C, B1, B2, B6 e K.

O brócolis possui ainda propriedades anticancerígenas, por conter fitoquímicos como os compostos isotiocianatos, além de evitar problemas cardíacos, além de gastrites e úlceras.

Ingredientes
• 200 gramas de brócolis, lavado e picado em pequenas partes
• 250 gramas de penne integral(ou penne vegano feito com massa de arroz)
• 4 dentes de alho esmagados
• 1/2 cebola picada
• 1 colher de café de Pimenta do reino
• 1/2 colher de café de Cominho
• 1 colher de chá de Páprica Doce
• 1/2 maço de Salsinha e cebolinha picados finamente
• 150 ml de azeite extravirgem
• Sal

Como Preparar
Aqueça uma panela com aproximadamente meio litro de água, adicione um fio de azeite, uma pitada de sal e ferva o penne por aproximadamente 10 minutos. Em outra panela, faça o mesmo procedimento e adicione o brócolis. Escoe a água de ambos e reserve.

Aqueça o azeite em fogo baixo, adicione em seguida o alho, cebola, pimenta, cominho e a páprica, mexendo-os até que fiquem dourados. Adicione o brócolis, fritando-o por aproximadamente 10 minutos. Desligue o fogo, adicione também o penne, a cebolinha e a salsinha. Misture tudo e sirva.

Está pronto! A receita serve de duas a três pessoas.

Redução de vinho

Além de ser um dos melhores, ou o melhor acompanhamento para pratos bem elaborados, o vinho quando reduzido pode ainda se tornar um delicioso molho, que com certeza vai adicionar um sabor(e um visual) único aos seus pratos, sejam estes massas, risotos, sopas, hambúrgueres de soja, bolinhos, entre outros.

Além disso, é muito fácil de preparar, necessitando apenas de um bom vinho tinto seco, como algum elaborado com uvas cabernet sauvignon, crianza ou merlot, por exemplo, além de um pouco de vinagre balsâmico, açúcar, sal e pimenta. Veja abaixo como preparar.

Ingredientes

2 xícaras de vinho tinto seco
3 colheres de sopa de vinagre balsâmico
3 colheres de sopa de açúcar(cheia)
1 pitada de sal
1 pitada de pimenta cayena ou do reino

Como Preparar

Cozinhe o vinho com o vinagre balsâmico em fogo baixo por 25 minutos. Acrescente o açúcar, o sal e a pimenta e cozinhe por mais 10 minutos, ou até perceber que a mistura está mais densa. Desligue o fogo e deixe esfriar.

Depois disso é só servir.
Conserve em geladeira em um recipiente coberto por no máximo uma semana.

Batatas assadas com alecrim, alho e aceto balsâmico

Embora um pouco demorada(um pouco mais de 1 hora para ficar pronta), esta é uma receita vegana muito fácil e que resulta em um acompanhamento delicioso, principalmente para o período de festas. Afinal, quem não gosta de batatas?

Batatas assadas com alecrim

O diferencial deste prato está no Aceto Balsâmico, no Brasil conhecido como vinagre balsâmico, que de vinagre não tem quase nada. O Aceto Balsâmico é na verdade o resultado de uma redução, ou cozimento, do suco das uvas brancas “trebbiano”. O processo é muito parecido com o utilizado nas vinícolas, sendo o vinagre mantido em tonéis de madeira fina por até 25 anos, tornando-se doce, viscoso e muito concentrado ao longo deste período. É de origem controlada e produzido exclusivamente na Europa, porém é muito comum nos supermercados do Brasil. Veja abaixo a receita.

Ingredientes

– 1 quilo de batatas descascadas e cortadas em pedaços médios;
– 6 a 8 dentes de alho inteiros(sem descascar);
– 3 dentes de alho descascados;
– azeite;
– Aceto/Vinagre balsâmico;
– 2 ou 3 ramos de alecrim(ideal – ou um saquinho de alecrim desidratado);
– Sal;
– Pimenta do reino moída;

Como Preparar

Ferva 1 litro de água e coloque as batatas para cozinhar por 20 minutos. Unte com azeite um recipiente próprio para ir ao forno e espalhe as batatas sobre o mesmo. Jogue o sal, a pimenta do reino, as folhas dos ramos do alecrim sobre as batatas e por fim acrescente os dentes de alho(inteiros). Pré-aqueça o forno em uma temperatura de 180 graus(temperatura baixa), depois coloque o recipiente com as batatas por meia hora.

Após este período, retire as batatas do forno e vire cada uma delas utilizando um garfo. Jogue um pouco mais de azeite sobre elas, o alho picado, mais um pouco de sal e pimenta do reino. Finalize acrescentando várias gotas de vinagre balsâmico sobre cada batata. Volte o recipiente ao forno por mais meia hora.
Está pronto, é só servir!

Strogonoff de Soja com arroz preto e branco com sementes de chia, acompanhando pimenta cambuci com queijo de cabra

Este é um um ótimo prato criado com receitas simples e fáceis de fazer.

De qualquer forma, como a combinação é grande(strogonoff de soja, arroz preto com erva-doce, arroz branco com cenoura e chia, pimenta cambuci recheada com queijo de cabra), vamos ensinar abaixo a receita separada de cada um desses elementos.

A grande novidade é a semente de chia. Ela é a nova moda saudável da culinária, outro um produto “milenar” oriundo das Américas, assim como a também “mágica” quinua, porém os nutricionistas dizem que tem grandes quantidades de ômega-3, cálcio, ferro, proteínas, magnésio, vitamina A, potássio, vitaminas do complexo B, manganês, antioxidantes, zinco, cobre, e alguns ainda dizem que ela ajuda a emagrecer, por manter o organismo sem fome por mais tempo.

1. Arroz com cenoura ralada e sementes de chia

Ingredientes

– 1 xícara(chá) de arroz integral
– 2 dentes de alho picado
– 1 cebola cortada em rodelas
– 1 colher de sopa de cenoura ralada
– 1 colher de sopa de sementes de chia
– 2 colheres de sopa de óleo
– 2 1/2 xícaras(chá) de agua
– Pimenta do reino
– Sal

Como preparar

Em uma panela aqueça o óleo, adicione a cebola e o alho e deixe fritar até que fiquem dourados. Adicione o arroz, a cenoura ralada e mexa até misturar bem todos os ingredientes. Adicione sal e pimenta a gosto. Logo em seguida adicione a água, tampe a panela e deixe cozinhar até que toda a água evapore. Quando tudo terminar, sirva e individualmente coloque uma colher de sopa de chia sobre o arroz.

2. Strogonoff de soja

Ingredientes

– Duas xícaras de chá cheias de proteína de soja PVT
– 2 dentes de alho picado
– 1 cebola picada
– 2 colheres de chá de molho shoyo
– 2 colheres de chá de molho inglês(*atenção)
– 2 unidades(200g cada) de creme de leite de soja
– Meia xícara de conhaque
– 1 colher de mostarda
– 1/2 xícara de ketchup
– Pimenta
– Sal

Como preparar

Ferva um litro de água e adicione a soja para hidratar, deixe cozinhar por 10 minutos. Retire a soja da água e lave em agua corrente para resfriá-la. Logo após esprema a soja uma à uma, e com uma faca divida cada uma em duas partes. Em outra panela aqueça o óleo, adicione a cebola e o alho e deixe fritar até que fiquem dourados. Adicione a soja e frite por 10 minutos, sempre mexendo para que não grude no fundo da panela. Acrescente o shoyo e continue a fritar por mais 5 minutos. Com muito cuidado, utilize o conhaque para flambar a soja, jogando a xícara sobre a panela, utilizando um pedaço de papel em chamas para acendê-la. Deixe-a queimar até o fim, mantendo sempre distância da panela. Adicione o molho inglês, a mostarda e o ketchup, e mexa por mais 5 minutos. Por fim, acrescente o creme de leite de soja, mexendo por mais 5 minutos. Sirva em seguida.

3. Arroz preto com erva-doce

Ingredientes

– 1 xícara(chá) de arroz preto
– 2 dentes de alho picado
– 1 cebola cortada em rodelas
– 1 colher de chá de erva-doce
– 2 colheres de sopa de óleo
– 2 1/2 xícaras(chá) de agua
– 1/2 colher de chá de cominho
– Pimenta do reino
– Sal

Como preparar

Em uma panela aqueça o óleo, adicione a cebola e o alho e deixe fritar até que fiquem dourados. Adicione o arroz, o cominho, a erva-doce e mexa até misturar bem todos os ingredientes. Adicione sal e pimenta a gosto. Logo em seguida adicione a água, tampe a panela e deixe cozinhar até que toda a água evapore.

4. Pimenta Cambuci recheada com queijo de cabra

Ingredientes

– 12 pimentas cambuci
– 1 unidade de queijo de cabra(aprox. 200 gramas)
– Azeite

Como preparar

Lave bem as pimentas cambuci, se possível utilize água e uma substância apropriada para lavar vegetais e deixe de molho por 15 minutos. Corte o queijo de cabra em pequenos pedaços quadrados. Retire a pimenta da substância, e uma a uma corte a “tampa”(onde tem o cabo) superior da pimenta – não jogue fora, pois será utilizado depois).

Com a ajuda de uma colher de chá, retire todas as sementes do interior da pimenta cambuci, sempre tomando o cuidado para não danificá-la. Logo após insira em cada pimenta os cubos de queijo de cabra, preenchendo todo o seu interior. Coloque em uma forma apropriada para ir ao forno, tampe cada uma das pimentas novamente com o cabo retirado(veja foto), jogue uma fina camada de azeito sobre e leve ao forno(180º) por aproximadamente meia hora. Depois disso é só servir.

Arroz, hambúrguer de inhame e creme de tofu com ervas

Arroz com hamburguer e creme de tofu

Esta é uma receita vegana(nada de origem animal, como por exemplo leite ou ovos) que combina arroz integral temperado com páprica doce, hambúrguer de inhame, batata e quinua e um delicioso creme de tofu, que é muito fácil de preparar e deixa o prato ainda mais saboroso e sofisticado.

Veja abaixo os ingredientes e aprenda como preparar cada parte do prato.

1. Arroz

Ingredientes
– 1 xícara(chá) de arroz integral
– 2 dentes de alho picado
– 1 cebola cortada em rodelas
– 1 colher de sopa de páprica doce
– 2 colheres de sopa de óleo
– 2 1/2 xícaras(chá) de agua
– Pimenta do reino
– Sal

Como preparar
Em uma panela aqueça o óleo, adicione a cebola e o alho e deixe fritar até que fiquem dourados. Adicione o arroz, a páprica e mexa até misturar bem todos os ingredientes. Adicione sal e pimenta a gosto. Logo em seguida adicione a água, tampe a panela e deixe cozinhar até que toda a água evapore.

2. Creme de Tofu

Ingredientes
– 1 unidade de tofu
– 2 dentes de alho
– 1 xícara(chá) cheia de salsinha
– 1 xícara(chá) cheia de cebolinha
– 2 colheres de shoyu
– 1/2 xícara de água

Como preparar
Coloque tudo em um liquidificador e bata até formar um creme. Se necessário, adicione um pouco mais de água para ajustar a cremosidade.

3. Hambúrguer de Inhame e Quinua

Ingredientes
– 1 inhame médio descascado
– 1 batata média descascada
– 3 dentes de alho picados finamente
– 1 cebola picada finamente
– 1/2 xícara de salsinha picada
– 1/2 xícara de cebolinha picada
– 1/2 xícara de quinua
– 1/2 xícara de grão de bico previamente hidratado(no mínimo 6 horas submerso em água)
– 1 xícara de soja(pts pequeno) hidratada
– 2 xícaras de farinha de trigo integral
– 1/2 xícara de farinha de rosca
– 1 colher de sopa de páprica doce
– 1 colher de sopa de açafrão da terra
– 3 colheres de sopa de ketchup
– Sal e pimenta do reino a gosto

Como preparar
Prepare inicialmente a quinua, colocando-a em uma panela com água fervente(aprox. 1 xícara de água), até que a água evapore. Reserve.

Cozinhe o inhame, a batata e o grão de bico também em água fervente por aproximadamente 45 minutos. Junte os três e bata em um liquidificador adicionando meia xícara de água para facilitar a mistura.

Em um recipiente maior, junte o conteúdo do liquidificador com todos os outros ingredientes(inclusive a quinua), misturando tudo até formar uma massa uniforme. Utilizando as mãos, forme pequenas bolas com essa massa e depois amasse suas pontas para que fique em um formato de hambúrguer. Leve ao forno(fogo baixo, pré aquecido) por aproximadamente 40 minutos, não esquecendo de virar o hambúrguer para dourar os dois lados.

4. Bon Appetit!

Depois de tudo pronto é só servir e saborear este delicioso prato vegano!